Charlotte O`Day 2009

A motivação de "Charlotte O`day, surge com o decorrer do processo criativo de "CATÁLOGO".
Recolhia uma série de material biográfico que girava em torno do "universo" da fama e do seu reverso, a decadência e o caos como etapa final. Ícones femininos como Marilyn Monroe, Marlene Dietrich, Vera Lynn, Nina Simone (...) tornaram-se partes fundamentais desta procura.
A criação de um musical feminino, e a tentativa de o deslocar no tempo (história) e no espaço, surge como primeira experiência a guardar deste projecto.
Contudo, com o decorrer do processo criativo, "Charlotte O`Day" assume novos rumos, levantando e problematizando questões de género: sendo o género uma questão não biológica, concebo um espaço performativo (espaço seguro), para habitar em mim (codificado socialmente como masculino) um outro corpo.
Que corpo é este?

Artistic director Flávio Rodrigues
Work in progress with Carla Valquaresma
Scenario Flávio Rodrigues & Carla Valquaresma & Tiago Oliveira
Support Balleteatro, Fábrica de Movimentos, Contagiarte
Photography Joana Castro, Tiago Oliveira & Flávio Rodrigues
Thanks to Ana Saltão, Alberto Magno


2015 - Charlotte O`Day - STRIP (2009 - 2015)
Inserido no Festival Feminista do Porto | Galeria Gerardes da Silva


©Bruno Senune